domingo, 23 de novembro de 2014

A Minha Cor Não Nega







O meu cabelo não nega
Não nega a minha cor
O meu nariz não nega
Não nega a minha cor
Os meus lábios grossos não negam
Não negam a minha cor
O brilho dos meus olhos não nega
Não nega
Não, nega
Não deixe que te neguem
Não te renegues
Não te negues nunca mais






A dor que trago marcada na pele
Não nega a minha cor
Foi essa dor que me fez tão forte
As minhas lágrimas viraram luta
Para deixar de ser escravizada
por teu preconceito voraz
Para deixar de ser diminuída
Por teus atos racistas
As minhas mãos calejadas
não negam a minha luta
e a minha força para lutar
Não nega a minha cor
As minhas costas, antes arqueadas
Estão cada vez mais erguidas
Assim como a minha cabeça

A nossa beleza sublime
Não nega a nossa cor
Somos belos, tão belos
E a nossa imensa beleza
foi por tanto tempo negada
ofuscada dentro de padrões
tão hipócritas e superficiais
quanto os seus ditadores

Mas as vendas que puseram
em nossos olhos
que nos impediam de ver
a magnitude da beleza
do nosso cabelo crespo,
dos nossos lábios grossos
dos nossos belos traços,
da nossa negra cor
foram abolidas
e agora, que nos vemos
pelos nossos olhos,
pela nossa alma, pela nossa essência
enxergamos o quanto somos lindos
o nosso espelho reflete isso
e seremos espelhos para os nossos

As minhas raízes ancestrais
Não negam a minha cor
Este sangue africano
Que corre em minhas veias
Que me faz guerreira
E a minha raiz é tão forte
que, mesmo com todos me dizendo não,
eu me disse sim
e a partir de então
mesmo sem o mundo
querer me aceitar
eu me aceitei
como realmente sou
negra beleza de força e valor

Trago bordada na pele
A grandeza de uma história
composta de dores, lutas e glórias
e a minha gana, a minha garra,
a riqueza estampada em mim 
Não negam a minha cor






5 comentários:

  1. A nossa cor é a nossa força. As belas palavras da tua linda poesia descrevem toda a nossa força, luta e beleza. Preta linda!

    ResponderExcluir
  2. Sua poesia tem força, beleza e valor

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pela honra da leitura e carinho das palavras!

    ResponderExcluir

Solte suas linhas!

Postagens Recentes Postagens Antigas Inicio